segunda-feira, 25 de maio de 2009

MENSAGENS QUE VIVIFICAM




TRÊS COISAS QUE INTERFEREM
NO RELACIONAMENTO COM DEUS

Texto: Am 3.3

INTRODUÇÃO
Entre muitas coisas que interferem o nosso relacionamento com Deus, quero destacar três, que são: Desobediência, Incredulidade e Mundanismo.

I – DESOBEDIÊNCIA
§ (Gn 3.1.23) - Adão e Eva obteve uma intima comunhão com Deus (v.v 8), até o dia em que desobedeceram ao Senhor. Deus os visitava na viração do dia, porém após desobedecerem, temeram ouvir a voz do Senhor e foram lançados fora do jardim (v.v 23).
§ (1Sm 15.3-11) – Deus ordenou a Saul que exterminasse com os amalequitas (v.v 3), e este não executou a Palavra do Senhor. Este ato de Saul interferiu no seu relacionamento com Deus, porque a partir daí, Saul não ouvia mais voz de Deus (1Sm 28.6).

II – INCREDULIDADE

Incredulidade é falta de fé, e torna-se em uma grande barreira, interferindo no relacionamento do crente com Deus, porque a palavra do Senhor nos diz: “... sem fé é impossível agradar-lhe...”(Hb 11.6).
A falta de fé, é tão repugnante ao Senhor que nós vemos quando O Senhor Jesus estava em Nazaré, não operou ali grandes maravilhas, por causa da incredulidade (Mt 13.58).
Com incredulidade é impossível receber a salvação, pois diz:”... e, em teu coração creres que Deus o ressuscitou dos mortos, serás salvo”.(Rm 10.9b). Portanto “... Hoje, se ouvirdes a sua voz, não endureçais o vosso coração”.(Hb 4.7b).

III – MUNDANISMO
Mundanismo é a conformação ideológica e emocional ao sistema implantado por satanás. É o mesmo que se espelhar no mundo, trazendo os costumes e pecados para dentro da Igreja causando interferência no relacionamento com Deus.
Em (1Sm 8.5), encontramos um exemplo vivo disto, quando eles pedem um rei para Samuel. Vejamos: ... constitui-nos pois, agora, um rei sobre nós, para que ele nos julgue, como têm todas as nações”
A Bíblia nos adverte claramente quanto ao mundanismo. Vejamos:
& Rm 12.2 a – “E não vos conformeis com este mundo” – isto é, não vivam de acordo com o estilo (feição peculiar de um gênero, de uma época), ou a tendência da presente era. No mundo existem muitas coisas ruins que jamais devem ser imitados e colocados em prática no convívio cristão.
& Tg 4.4 – “Adúlteros e adulteras, não sabeis vós que a amizade do mundo é inimizade contra Deus? Portanto, qualquer que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de Deus” – Isto chamado de Adultério Espiritual, significa que Deus não aceita que acatemos os pecados, os valores e os prazeres malignos do mundo. Deus jamais aceita semelhante amizade (Mt 6.24).
& 1Jo 2.15 – “Não ameis o mundo, nem o que no mundo há. Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele” – É claro que Deus ama o mundo dos Homens (Jô 3.16), mas os crentes não deve amar aquilo que se organiza contra Deus. Amar o mundo é ter estreita comunhão com ele e dedicar-se aos seus valores, interesses, caminho e prazeres. Amar o mundo corrompe nossa comunhão com Deus e leva à destruição espiritual.